Cipermetrina no Combate ao Mosquito da Dengue

O AEDES AEGYPTI e AEDES ALBOPICTUS são os principais vetores na transmissão do vírus da dengue e febre amarela urbana, estes insetos são predominantemente típicos de regiões de climas tropicais e subtropicais, com a presença de calor e chuvas sazonais, pois estes insetos não conseguem sobreviver em regiões extremamente frias.
Os mosquitos machos são vegetarianos, só se alimentam das seivas de folhas e frutas adocicados, ao passo que as fêmeas quando iniciam o ciclo de reprodução e se acasalam  alimentam-se de sangue de animais de sangue quente (homem) pássaros, galinhas , porcos,  cavalos, bois sendo que a transmissão da dengue da-se somente no homem.

As fêmeas quando picam o ser humano aplicam uma substância anestésica, para que não haja dor no momento em que estiverem sugando o sangue da vitima, os ataques ocorrem normalmente no começo das manhas e ou nos finais da tarde. Picam nas regiões dos tornozelos,  pés, pernas e braços.

Existe a forma de controlar o e exterminar o mosquito, limpando quintais, não deixando água parada, em latas, pneus, tampas e vasos e todo local que possa servir de reservatório de água.
O combate também com inseticidas como A CIPERMETRINA FERSOL 300, é indicado para o extermínio do mosquito da dengue, órgãos públicos usam inseticidas a base de cipermetrina no combate ao mosquito da dengue com sucesso.

O modo de uso da CIPERMETRINA FERSOL 300CE diluir 105ml do produto utilizando o dosador que acompanha o frasco, em 10 litros de água, para uma área equivalente a 250m2, misturar bem, utilizar um pulverizador para aplicação  nos locais afetados.
No momento da aplicação retirar crianças e animais domésticos, aplicar em rodapés,  debaixo de pias, atras de armários , fogões,  guarda roupas e locais onde não haja ventilação dentro da residência, usar mascaras e luvas no manuseio do produto pois ele e tóxico, apos a aplicação arejar a área.

OBSERVAÇÃO seguir sempre as orientações dos fabricantes, usar sempre mascaras e luvas no manuseio de produtos tóxicos.

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>